Reconhecimento profissional: motivação no trabalho

O reconhecimento é um dos principais fatores de motivação para todos nós. E, nesse caso, podemos incluir também o reconhecimento profissional. Ele se torna, inclusive, uma importante ferramenta para o gestor, uma vez que é capaz de gerar mais motivação em seu time.

Há muito já se foi a ideia de que o reconhecimento profissional se resumia a um aumento de salário ou maiores benefícios. Como comentamos nesse post, as dinâmicas trabalhistas hoje são outras, e a busca de um profissional vai além do dinheiro.

Hoje ele também está atrás de uma empresa que o reconheça como pessoa.

Como acontece o reconhecimento profissional?

Partindo da premissa de que o reconhecimento profissional pode ser entendido, dentre outras coisas, como uma ferramenta motivacional, podemos dizer que está nas mãos do gestor sua aplicação.

Dessa forma, é importante que ele conheça sua equipe e saiba exatamente quais suas aspirações. Ou, em outras palavras, o que a motiva.

São muitas as maneiras de se reconhecer um profissional pelo seu serviço bem prestado, e todas elas cumprem seu objetivo.

Há estudos científicos que comprovam que existe uma parte do cérebro que está intimamente ligada à recompensa e à motivação. Assim, quando uma dessas acontece, é liberado no sistema do indivíduo alguns elementos químicos capazes de modificar seu comportamento, exaltando, dentre outras características, sua produtividade.

Motivação profissional como sinônimo de produtividade

A motivação de uma pessoa pode se dar por várias frentes, como o poder, a estimulação ou a benevolência.

E, no âmbito profissional, essa estimulação se dá por meio da motivação vinda de gestores.

Ao se sentir reconhecida como profissional, a pessoa tende a se sentir mais confortável no ambiente em que atua. Isso acaba proporcionando uma maior segurança a todos os seus atos.

Dessa forma, seu comprometimento e proatividade atingem patamares muito mais altos. E, ao se comprometer em suas tarefas e buscar soluções por conta própria, o profissional torna-se muito mais produtivo.

Por isso, é necessário que o gestor esteja sempre atento à sua equipe, para saber em que momento atuar. Afinal, é melhor manter sua equipe estimulada e produtiva do que tentar corrigir algum desvio nessa curva.

Como aplicar na minha empresa?

Existem algumas propostas de ação que são comumente usadas por gestores que têm por objetivo manter uma equipe produtiva. Afinal, como dissemos no início do texto, são muitas as maneiras de se reconhecer o trabalho de um funcionário.

Acompanhamento

Por mais que essa dica seja “chover no molhado”, existem muitos gestores que não fazem um acompanhamento de perto da sua equipe.

É certo que a agenda de um gestor é bastante corrida, mas olhar de perto como andam os processos e seus funcionários é imprescindível para o bem-estar não somente do projeto, mas também dos colaboradores envolvidos.

Programas de incentivo

Para aumentar o índice de motivação dos funcionários, uma boa ferramenta é um programa de incentivo, que contemple de acordo com resultados e desempenho.

A bonificação ficará de acordo com o momento da empresa, mas podem ser diversos, como dinheiro, placas, etc.

Ao dar início a um programa de incentivo, é necessário primeiramente definir quais serão os critérios de avaliação, que podem ser: habilidade para a realização de tarefas, satisfação do cliente e outros dados que sejam relevantes, como pontualidade, faltas, etc.

Tendo definidos os critérios para avaliação, apresente o plano de ação para a sua equipe, sendo o mais claro possível. Ao fazer essa apresentação, é necessário que não reste nenhuma dúvida por parte dos colaboradores, para que o programa cumpra seu objetivo, contemplando todos eles.

Além disso, é necessário que as recompensas sejam atrativas, uma vez que elas serão a motivação do funcionário. Pense em outras bonificações além do bônus financeiro, pois muitas vezes a motivação vai além desse tipo de recompensa.

Uma recompensa interessante seria uma entrada para o cinema para um colaborador que goste de filmes. Ou mesmo um almoço, onde o gestor seja o responsável pelos detalhes.

Elogios

O elogio é sempre uma boa ferramenta a se utilizar. Ao elogiar um colaborador, você está demonstrando o apreço que você tem por seu serviço e esforço.

Elogie sempre que surgir alguma solução criativa, cumprimento de prazos, aumento na produção, maior eficácia. Enfim, sempre que surgir algum ponto positivo em sua equipe.

Além disso, comemore sempre que a equipe atingir suas metas ou houver um aumento na produtividade do time.

Conhecimento

Conheça cada um dos membros da sua equipe. Ao conhecê-los não somente como profissionais, mas também como pessoas, o relacionamento será muito melhor e mais produtivo.

Afinal, é muito mais fácil você prever demandas de um conhecido do que de um desconhecido. Dessa forma, você, como gestor, descobrirá maneiras de incentivar e motivar seus colaboradores e incorporar essas ações às suas estratégias.

Flexibilidade

Ao conhecer os membros do seu time e enxergá-los como pessoas, além de seu profissional, você poderá realizar adequações necessárias em certos momentos.

Isso porque cada um tem suas necessidades individuais, que algumas vezes pode conflitar com horários ou metas. Esse é mais um importante motivo para se manter um relacionamento mais aberto com sua equipe.

Desenvolvimento

Dê à sua equipe a oportunidade de participar de eventos, conferências e treinamentos.

Dessa forma, eles aumentarão sua rede de relacionamento, absorverão novos aprendizados e irão incorporar tudo isso no seu cotidiano profissional.

Além disso, eventos costumam ser um bom ambiente para insights.

Conclusão

O reconhecimento de funcionários vai muito além da recompensa financeira. Ao envolver sua equipe e manter uma relação saudável e amistosa, o gestor certamente colherá bons frutos.

A motivação no trabalho parte do pressuposto de um bom trabalho em equipe e de uma gestão que se importe com as metas mas também com os colaboradores enquanto indivíduos.

Para receber mais artigos como esse e acompanhar nossos posts sobre gestão de pessoas, assine nossa newsletter.

Topo