A tecnologia de reconhecimento facial é mesmo segura?

Durante muito tempo, quando se falava em reconhecimento facial, muitas pessoas tinham dúvidas sobre a segurança dessa tecnologia, pois questionavam o quanto são confiáveis os processos que contam com a identificação das características do rosto de uma pessoa.

Entretanto, com o amadurecimento dessa tecnologia, a desconfiança está dando lugar ao sentimento de segurança passado pelo reconhecimento facial, afinal já é possível encontrar diversos locais que contam com esse tipo de reconhecimento.

Mas o reconhecimento facial é realmente seguro?

Por meio da leitura de pontos particulares que estão presentes no rosto das pessoas é possível chegar a um resultado seguro de identificação facial, esse resultado é comparado a um banco de dados e pronto, está feito o processo básico dessa tecnologia.

Portanto, respondendo a pergunta, sim é realmente seguro. O alto índice de acerto dos resultados alcançados pela leitura da biometria facial garante uma identificação confiável do rosto. Tanto é que em alguns cassinos de Las Vegas esse sistema é utilizado para evitar que trapaceiros voltem às casas de jogos mais famosas do mundo.

As maiores dúvidas sobre a segurança da tecnologia de reconhecimento facial partem do ponto de vista, que existem algumas formas de cobrir o rosto ou alterar a aparência. Será que ao usar maquiagem você conseguirá enganar um sistema baseado na biometria facial? Leia o próximo tópico e entenda o motivo de não ser tão fácil assim.

Biometria facial é seguro

Reconhecimento facial é difícil de ser enganado

Devido ao avanço da tecnologia, ferramentas que contam com o reconhecimento facial conseguem identificar possíveis fraudes. Em outras palavras podemos dizer que a identificação das características faciais acontece mesmo em caso onde a pessoa use maquiagem, corte o cabelo, use óculos ou outra forma para tentar disfarçar o rosto.

Isso se deve graças aos recursos utilizados pelo reconhecimento facial. O rosto humano é composto por diversas características, que são únicas em cada pessoa. Essas características são analisadas durante a identificação da face, a distância entre órgãos faciais (nariz, orelhas, boca, olhos) por exemplo.

Alguns equipamentos e programas alcançaram tamanha maturidade que reconhecem inclusive uma tentativa de usar uma foto de rosto. Essa identificação é possível devido ao fato de ser realizada uma leitura 3D do rosto, identificando quando não apresenta essa característica.

O reconhecimento facial é a evolução da segurança

Tamanho é a segurança e a confiabilidade do processo de reconhecimento facial que as maiores empresas de tecnologia do mundo já começaram a acoplar essa tecnologia aos seus dispositivos.

Recentemente a Apple lançou o Iphone X que conta com um processo de desbloqueio de tela baseado na leitura da biometria facial. Com isso a empresa tem a intenção de garantir que os dados dos usuários estejam sempre seguros, pois assegura que o acesso a eles só será autorizado mediante o reconhecimento facial.

Outros setores da sociedade também já começam a entender a importância do reconhecimento facial. Grandes cidades já contam com equipamentos capazes de realizarem a identificação de uma pessoa por meio da leitura facial.

A certeza oferecida pela tecnologia de reconhecimento facial é elemento essencial para que mecanismos que contam com esse processo sejam usados em outros cenários da sociedade, garantindo maior segurança e controle no acesso a espaços e na vigilância de movimento.

 

Quer saber mais sobre reconhecimento facial e outras tecnologias? Assine nossa newsletter.

 

 

Topo