Para que as pessoas convivam harmoniosamente, a comunicação é fundamental. No contexto organizacional não seria diferente, não é mesmo? Dessa forma, a comunicação interpessoal é uma das principais razões para o sucesso da empresa. 

Independente da função exercida pelos profissionais da empresa, é preciso ter uma comunicação eficiente para relações saudáveis. Mas, como as organizações podem estimular a comunicação dentro de suas equipes? 

Para responder essa e outras perguntas, preparamos um conteúdo exclusivo. Então, boa leitura. 

O que é comunicação interpessoal? 

A palavra comunicação vem do latim e significa “compartilhar entre todos” ou “tornar comum”. Dessa forma, o ato de comunicar está ligado ao compartilhamento de informações de um ponto ao outro. 

Portanto, a comunicação interpessoal  é a capacidade de receber, reter, decifrar, interpretar e transmitir ideias, opiniões e conhecimentos. 

Sendo assim, a comunicação interpessoal compreende todo um processo de troca entre duas ou mais pessoas. Dessa forma, a reciprocidade é essencial para que haja essa relação de ação e resposta. 

Logo, os elementos da comunicação são: 

  • emissor – é quem envia a mensagem;
  • receptor – também chamado de interlocutor ou destinatário, é quem recebe a mensagem;
  • mensagem – é o conteúdo transmitido pelo emissor para o receptor; 
  • código – linguagem; 
  • canal – é o meio usado para transmitir a mensagem;
  • referente – algo ou alguém a quem as mensagem se refere;
  • feedback – é a garantia de que a mensagem foi enviada corretamente e recebida pelo receptor.    

No entanto, a comunicação interpessoal pode ser feita de formas diferentes: 

  • comunicação verbal – usa-se a linguagem, tanto escrita quanto falada;
  • comunicação não verbal – utiliza-se outros recursos, tais como imagens, postura, expressões, entre outros;
  • comunicação paraverbal – está ligada ao tom, ritmo, volume e pausas utilizadas na voz.

Contudo, nem sempre a comunicação é eficaz e isso pode gerar sérios conflitos no ambiente. São o que chamamos de ruídos que podem ocorrer no meio do caminho e gerar divergências. 

Qual a função da comunicação? 

Já vimos que ruídos podem comprometer a mensagem e prejudicar a comunicação. Por isso, é preciso conhecer as funções da comunicação para que a mensagem seja transmitida e recebida de forma efetiva. 

Segundo o doutor Stephen P. Robbins, em seu livro Comportamento Organizacional, existem quatro tipos de funções da comunicação dentro de uma empresa ou grupo. Veja a seguir quais são: 

Controle 

Nesse caso, a comunicação é utilizada com o intuito de obter um tipo de controle sobre o comportamento de outra pessoa, principalmente em empresas que possuem regras mais rígidas. 

Quando algum colaborador desaprova alguma política da empresa, ou até mesmo quando um gestor elogia a produtividade de um funcionário, ele pode utilizar dessa comunicação para controlar o comportamento de quem está ao redor. 

Motivação

Outra função da comunicação é motivar os funcionários, esclarecendo o que deve ser feito, o nível de qualidade do trabalho entregue e o que pode ser feito para melhorar o desempenho caso as expectativas não sejam atendidas. 

O ato de definir metas específicas e trocar feedback, reforça as expectativas dos funcionários e gera motivação para uma comunicação mais clara e fluida. 

Expressão emocional

A comunicação, como já vimos, é uma maneira que as pessoas têm de expressar suas ideias e sentimentos. 

Stephen Robbins, que é especialista em comportamento organizacional, descreve que a maioria das pessoas têm os colegas de trabalho como a principal fonte de interação social. Diante disso, a comunicação é essencial para que os integrantes do grupo expressem seus sentimentos. 

Informação

Por fim, a última função da comunicação é o de agilizar os processos de tomada de decisões. Através da comunicação, as informações são fornecidas com o intuito de promover conhecimento. Assim, é possível identificar e avaliar alternativas para solucionar algum conflito. 

Qual a diferença entre comunicação interpessoal e intrapessoal? 

É importante ressaltar que comunicação interpessoal tem um conceito diferente de comunicação intrapessoal. 

A principal diferença entre os dois conceitos está na quantidade de envolvidos na transmissão e recepção de informações. 

Enquanto a comunicação interpessoal se baseia na troca de mensagens entre várias pessoas de um determinado grupo, a comunicação intrapessoal é fundamentada na reflexão interior. 

Dessa forma, a comunicação intrapessoal está restrita a um único indivíduo, onde ele “conversa” consigo mesmo. Ela é essencial para análise de decisões, desenvolver o autoconhecimento e preservar a saúde mental

O que significa ter uma boa comunicação? 

Uma boa comunicação vai muito além da troca de informações. Para ela ser considerada efetiva, precisamos entender que não existe comunicação unilateral, mesmo se tratando da comunicação intrapessoal. 

Comunicar é interpretar o que está sendo passado, entender o que é falado e transmitir de forma que as outras pessoas compreendam. 

Então, quando todo esse processo é realizado de forma clara, com o menor índice de ruído possível, a comunicação cumpriu o seu papel, ou seja, ela é boa. Assim, sua excelência é fundamental para diálogos eficientes. 

O que é comunicação interpessoal no trabalho?

A empresa é formada por pessoas, afinal, ninguém trabalha sozinho. Mesmo as pessoas que possuem o seu próprio negócio, não conseguem ficar longe dos relacionamentos.

Portanto, a comunicação interpessoal é imprescindível para o desempenho e a produtividade da empresa. Dessa forma, o relacionamento profissional costuma ser algo delicado, mas que necessita de toda a atenção necessária. 

Caso haja algum problema na comunicação interpessoal ou até mesmo a falta dela, os resultados da empresa podem ser comprometidos. Além disso, a ausência de conexão entre o time prejudica o clima organizacional. 

Atrás da tecnologia, dos números e dos bons resultados, há sempre ações de pessoas. Por isso, a importância de investir na comunicação interpessoal na empresa e estimular relações saudáveis na equipe

Estilos de comunicação interpessoal no trabalho 

De acordo com Mark Murph, autor de best-sellers e CEO da empresa de consultoria e pesquisa Leadership, existem quatro estilos de comunicadores. 

Esses tipos estão relacionados às preferências de cada indivíduo e em suas escolhas na hora se expressarem. 

Com essa descoberta, fica mais fácil para as empresas ajustarem a comunicação com o intuito de aprimorar a eficiência na hora de compreender uma mensagem. 

Veja abaixo quais são os quatros estilos de comunicação interpessoal: 

  • pessoal –  esses comunicadores valorizam a linguagem emocional e a conexão. Assim, além de avaliar o que os outros pensam, eles levam em consideração o que as pessoas sentem sobre o assunto;
  • analítica – esse perfil é caracterizado por pessoas que se baseiam em dados e números. Quem tem esse perfil, é muito receptivo a quem está diante de fatos e, diferente do estilo pessoal, não se identificam com a linguagem emocional;
  • intuitiva – não é apegada aos detalhes e tem uma visão mais ampla da situação, ou seja, vai direto ao ponto. Aqui, a comunicação costuma ser direta e objetiva;
  • funcional – estilo de quem gosta de planejamento. Em outras palavras, são pessoas que se comunicam por processos, detalhes, cronogramas e planos bem estruturados. Ao contrário do estilo analítico, esse perfil se apega muito aos detalhes. 

Características de um pessoa que tem um boa comunicação interpessoal

Dentre as principais características de uma pessoa que possui uma boa comunicação interpessoal é a capacidade de ouvir o que a outra pessoa está dizendo. 

Além disso, ela é atenta e consegue decifrar exatamente o que está sendo transmitido. 

Outra característica importante de um bom comunicador é a clareza ao falar, ou seja, ele sabe se expressar de forma clara. 

Um bom comunicador interpessoal também precisa ser sensível, isto é, a pessoa consegue perceber detalhes e nuances na expressão ou no tom da voz do emissor. Isso gera identificação, empatia e confiança entre as partes.

Como ter uma boa comunicação interpessoal no home office? 

Apesar da distância, é possível manter uma boa comunicação interpessoal em organizações que estão em regime home office. 

Confira algumas dicas para manter um bom relacionamento e melhorar a comunicação na equipe à distância: 

  • investir em ferramentas para uma comunicação sem ruídos;
  • incentivar o relacionamento entre as equipes;
  • dar feedbacks com mais frequência;
  • promover ações e eventos online com o objetivo de estimular a interação da equipe. 

Dicas para melhorar a comunicação interpessoal no trabalho 

Agora que você já sabe a importância da comunicação interpessoal para o negócio, segue algumas dicas de como melhorar o relacionamento na sua empresa:

Promova a interação entre os funcionários

Lidar com pessoas com vivências diferentes não é tarefa fácil. E para que essas diferenças não sejam um obstáculo para a sua empresa, é importante investir em estratégias para aumentar a interação entre os colaboradores. 

Para isso, um ambiente de trabalho saudável e uma boa cultura organizacional, são práticas que auxiliam essa interação. 

Realize treinamentos nas equipes 

Os treinamentos também são uma ótima estratégia para promover a comunicação interpessoal. Além de contribuir para o crescimento profissional dos colaboradores, os treinamentos auxiliam no engajamento da equipe. 

Dessa forma, os resultados são impactados com o trabalho em equipe

Faça reuniões de equipe frequentes

As reuniões auxiliam no alinhamento de expectativas e é uma forma dos colaboradores apresentarem suas ideias. Assim, essa ação contribui para a criação de um ambiente ideal para o compartilhamento de pensamentos e pontos de vista. 

Organize eventos internos 

Esse item está diretamente ligado ao primeiro tópico, uma vez que eventos internos têm um impacto positivo na interação da equipe, potencializando ainda mais a comunicação interpessoal. 

Invista na gamificação 

Ao implementar a gamificação, as tarefas se tornam mais envolventes e eficazes. Isso permite uma melhor comunicação entre os envolvidos no mesmo projeto. Também é possível usar esse método para promover a união da equipe, proporcionando atividades para que a equipe se conheça.

Conclusão 

Em resumo, a forma como as pessoas se comunicam é de extrema importância para o meio onde ela está, inclusive no âmbito empresarial. 

Portanto, uma boa comunicação interpessoal é fundamental para alcançar bons resultados, além de criar um ambiente harmonioso. Dessa forma, todos se beneficiam, seja profissional ou pessoalmente. 

Espero que tenha gostado desse conteúdo. Continue nos acompanhando para mais novidades. Até a próxima.